BATE PAPO COM EMIR RIBEIRO

 

No dia 27 de agosto divulgamos o lançamento do encontro dos personagens Velta & Raio Negro; porém no dia 08/09 o quadrinista Emir Ribeiro, criador da Velta, chegou a afirmar em seu fotolog que estava desistindo do projeto, e novamente muitos blog e flogs começaram a divulgar a desistência do artista em continuar com o trabalho; com comentários que iam de tristeza a criticas desnecessárias; eu, porém fiquei aqui quietinha e resolvi escrever para o Emir, para confirmar essas informações, que depois de poucos dias, exatamente no dia 13 deste mês, as mudanças com relação ao projeto já estavam aparecendo, de forma que conversamos via “Google talk” para definir as novidades relacionadas à sua personagem e ao Projeto Velta & Raio Negro, que finalmente tem tudo para sair pela editora Júpiter II de José Salles; agora é curtir essa entrevista e torcer pra dar tudo certo!

 

Olá Emir, Eu li teu e-mail e achei muito legal saber dos novos rumos para a Velta e o Raio, mas fiquei triste em saber da morte do Gedeone, como ficou essa historia toda agora?

Olá Michelle; Bem, o Salles garantiu que tinha autorização e o apoio da família do Gedeone. Nesse caso, prossegui o trabalho.

 

Ótimo, então tudo esta indo bem?

Parece que sim. Estou dando andamento. Também estou fazendo uma HQ de Velta solicitada pela turma da “Tempestade Cerebral”

 

Você mesmo vai escrever e desenhar?

Sim. O Leonardo Santana havia se comprometido a fazer o roteiro, mas depois teve uns problemas e só poderia prosseguir no fim do ano. Mas eu queria fazer mais rápido, e por isso iniciei um roteiro meu. Mas como agora a pressa acabou, poderia esperar o roteiro do Leonardo. Mas como já fiz quatro páginas com o meu roteiro, não tem como jogar fora o que já está feito para começar outro (de novo).

Para a Tempestade, estou usando uma história escrita pelo Rod Gonzalez.

 

É certo mesmo o encontro sair agora pela JúpiterII ?

O Salles garantiu que sim.

 

Tem idéia de quando poderemos conferir a edição?

Não. Ainda estou na página 5. Deverão ser 30 páginas. Devo terminar até o final do ano. Mas é só uma previsão.

 

E vai divulgar uma prévia das imagens internas antes do lançamento?

Já fiz uma prévia da 1ª página: http://fotolog.terra.com.br/hqpb:239  Mas, Eu acho que é bom divulgar outras, futuramente.

 

Como foi pra você saber da Morte do Gedeone? Sabemos que ele aprovou a revista, como foi à reação dele ao conhecer do que se tratava a hq?

Eu me correspondia com ele há mais de 25 anos. É sempre um choque saber, mesmo já tendo ciência que a saúde dele estava se agravando.

A idéia de juntar Velta com o Raio negro já é antiga. Conversamos pessoalmente sobre isso, quando ele veio me visitar em 1989. Eu até comecei a desenhar uma releitura da origem do Raio Negro, mas parei na página 8. Os atropelos da vida impediram que o projeto andasse. Em 2002, tentei impulsionar de novo, mas outros trabalhos se apresentaram. Mas, no fim do ano passado, decidi que não dava para esperar mais. Consultei o Gedeone, e foi quando ele disse que “se tivesse briga entre os dois, que eu não fizesse o RN apanhar muito”

Claro que sempre esteve longe dos meus planos fazer briguinha entre eles. Depois, eu pedi a autorização por escrito, e foi quando ele me mandou a última carta, em maio de 2008 (a que saiu no meu fotologue: http://fotolog.terra.com.br/hqpb:242

 

E sobre a Velta, quais teu planos com relação a personagem? Mais encontros com heróis clássicos, ou buscar firmar a identidade da personagem com bons roteiros sejam seus ou de outros?

Emir: O que se apresentar para o momento. Mas, primeiramente, pretendo desaguar o material que já tem pronto e/ou em andamento. Depois disso, dou uma pausa nela e vou trabalhar mais na Nova.

Inclusive já tem um roteiro nas mãos do Seabra, para ele fazer o lápis e eu, a arte-final. Mas está na dependência do tempo dele (e, além disso, ainda há o material de gaveta da Velta, para ser impresso antes).

 

Quantas histórias da personagem existem praticamente prontas que estaremos conferindo em breve?

Emir: Tem uma antiga de 2002, que eu fiz para a Escala, mas que não chegou a ser publicada. É uma releitura mais detalhada do primeiro caso da Velta. Portanto, é fora da cronologia atual. E em andamento tem a da série “realidade alternativa”, onde Velta aparece nos anos 30 do século XX. Seriam apenas essas duas. As outras que vc já sabe, são a da Tempestade Cerebral, e esse encontro com o Raio Negro.

O que vier depois daí está na dependência da oportunidade e das contingências do momento.

 

A participação do Leonardo Santana é uma aposta sua nos novos roteiristas nacionais?

Ele evoluiu bastante desde os tempos do início da Brado Retumbante. Por isso achei que poderia fazer um bom trabalho.

 

E com relação ao Projeto Epopéia, você tem participação no roteiro, da tão comentada Morte da Velta?

Não. É tudo idéia do Elenilton Freitas e do Marcos Franco. Eu apenas autorizei o uso da Velta, e fiz uma capa, também.

 

O que achou disso tudo que ta rolando com relação ao projeto?

Pelo que estou percebendo, está ocorrendo aquele velho e sempre presente problema da falta de comprometimento de quem aceitou participar. Estou ouvindo falar de reclamações do tipo “não estão entregando no prazo”.

Mas somente o Elenilton e o Marcos poderiam dar certeza do andamento. Estou bem afastado do projeto.

 

Entendo, mas em termos gerais, a história da Morte da Velta é totalmente fora da cronologia da personagem certo? Um projeto que abordar outra forma de ver as coisas?

Pelo que entendi, há uns lances de tempo no meio. E por isso, não afeta a cronologia atual da Velta.

 

Você voltou a fazer contato com algumas editoras para publicar material da Velta ou realmente não vale à pena, mais o esforço?

Desisti por completo das editoras. Não tenho mais paciência para lidar com editores. De vez em quando alguém me indica uma ou outra editora que diz que vai publicar quadrinhos nacionais, mas não entro em contato, pois já sei o modus operandi de todos eles. A história provou que se repetem. Por isso, prefiro não procurar nenhum deles. Não tenho mais pretensão alguma com quadrinhos, a não ser fazer edições para o pequeno público que já existe. Não estou mais a procura de público novo, e nem de editoras. Faço tudo por conta própria, e sem visar grandes metas.

 

E para os fãs da Velta que estão esperando esse grande encontro, o que diria a eles sobre o que esperar da historia?

A Velta se manterá dentro das diretrizes principais que a fizeram ser a personagem que é hoje. E posso garantir apenas que não haverá nenhuma luta entre ela e o Raio Negro “para ver quem é mais forte ou mais poderoso”. Será um encontro o menos infanto-juvenil possível, mas bem marcante só pelo fato dele acontecer.

 

Abração Emir! Valeu pela força de sempre!

Outro para você, e é sempre um prazer ler e colaborar com o Zine Brasil. Tudo de bom para você também e que continue sempre com essa garra de manter o quadrinho brasileiro em evidência.

 

Visite os Sítios do artista Emir Ribeiro:

http://www.emirribeiro.com.br/

http://fotolog.terra.com.br/hqpb

2 comentários sobre “BATE PAPO COM EMIR RIBEIRO

  1. Pois é Miguel, Até que enfim, que tudo esta dando certo, hehehehe e espero em breve estar recebendo suas novidades com a criação do mestre Gedeone! Abração.

    Curtir

  2. ate q enfim! pararam dessas bobagens de se preocupar com pelegos q nao fazem nada e nem querem q os outros façam!

    ATE QUE ENFIM DESENHARAM A MAO CERTA DO ANEL DO RAIO NEGRO: ESQUERDA!

    aguardem pq eu tb tenho novidades com a criaçao do mestre gedeone….

    Curtir

Os comentários estão desativados.