Resenha: Projeto Continuum Extra #2

Por Michelle Ramos.

Foi lançada a segunda edição da Revista Projeto Continuum Extra, da Revista Projeto Continuum, dos quadrinistas Adriano Sapão, Daniel Siqueira e Rafael Tavares, de quem recebi a edição. A publicação tem 28 páginas e traz duas HQs de estilos diferenciados, uma assinada por Lucas Pimenta (roteiro) e FAN (desenhos), a HQ é muda e bem desenhada ao estilo faroeste, que durante sua evolução, faz uma homenagem a personagens conhecidos do gênero, como os inesquecíveis Tex e Ken Parker.

Também temos uma matéria escrita por Jackson Gebien, abordando sobre a realidade dos quadrinhos nacionais, o autor que abre bem o verbo sobre os enganadores de plantão na HQB, tenta mostrar ao desenhista iniciante as dificuldades a ser enfrentadas na busca de dinheiro, um bom texto, apesar de eu ter achado  um tanto sarcástico.

A segunda hq da edição é uma adaptação do conto “Matéria Cinzenta”, do escritor Stephem King, conto publicado originalmente no livro “Sombras da Noite” em 1987; os desenhos são do quadrinista Angelo Ron, que com seu estilo de desenho se encaixou bem no desenvolvimento da HQ, que tendo Stephem King como referencia não poderia deixar de ser sombrio.

A edição traz duas capas no estilo flip flap, (uma de cabeça para baixo em relação à outra) cada uma assinada pelos respectivos desenhistas da edição, Angelo Ron e FAN. O ponto alto da Projeto Continuum Extra 2 é a abertura para artistas independentes não tão conhecidos, com seus estilos variados, onde o heróico nem sempre esta em pauta, mas o apresentar uma boa hq, seja ela em que estilo for; tornando a revista um material interessante para se conhecer outros artistas.

Projeto Continuum Extra #2 possui 28 páginas, duas capas coloridas e miolo em preto e branco. Formato A5 – Preço: R$: 4, 00

Pedidos podem ser realizados pelo e-mail projetocontinuum@gmail.com

Um comentário sobre “Resenha: Projeto Continuum Extra #2

  1. Pingback: Revista Projeto Continuum Extra #2 « Loja Zine Brasil

Os comentários estão desativados.