Casa Sesc tem programação diversificada durante Festa Literária Internacional de Paraty

Realizada este ano entre os dias 6 e 10 deste mês, a Festa Literária Internacional de Paraty (Flip) contará com uma ação especial do Sesc. Uma programação multicultural, que inclui sessões de vídeo, sala de leitura e programação infantil com oficinas de História em Quadrinhos e narração de histórias, será oferecida na Casa Sesc.

Localizado na Rua do Comércio, no Centro Histórico de Paraty, o espaço sediará, ainda, o lançamento dos livros vencedores do Prêmio Sesc de Literatura 2010, o lançamento da terceira edição da Revista de literatura Palavra e o vernissage da exposição Tempo de Almanaque.

Maron Emile Abi-Abib, diretor-geral do Departamento Nacional do Sesc, acredita que a Casa Sesc reforça o relacionamento da entidade com a literatura. “É uma oportunidade de abordar esse tema por outras linguagens artísticas, como a música, o teatro, a exposição, vídeos, oficinas e narração de histórias, além de reunir nossas publicações, premiações e intervenções artísticas em um só lugar”, explica Maron.

Passarão pela Casa Sesc, ainda, os projetos Palco Giratório e Sonora Brasil, que percorrem o país com apresentações de artes cênicas e música. No Espaço de Literatura, os visitantes poderão conhecer o acervo literário do Sesc e do Senac, produzido em todo o Brasil.
Para quem gosta de filmes, curta-metragens serão exibidos ao longo do dia em cabines individuais e longas-metragens com temática literária serão apresentados três vezes por dia, no mezanino da casa.

Para as crianças, o Sesc preparou narração de histórias com o grupo Os Tapetes Contadores de Histórias e oficinas de Histórias em Quadrinhos, ministradas por Augusto Figliaggi e Elaine Guarani. Em Paraty, o Sesc contará também com o BiblioSesc, biblioteca volante que servirá como extensão da Casa Sesc.
A participação do Sesc na Flip se dá também na Tenda dos Autores. A mesa 12, Ficção entre Escombros, a ser realizada no dia 9, sábado, às 15 horas, tem o apoio da entidade. Com mediação de Claudiney Ferreira e a presença de Marcelo Ferroni, Edney Silvestre e Teixeira Coelho, a mesa propõe a representação das fraturas sociais através de dramas individuais.

Para mais informações, acessar www.flip.sesc.com.br/flip

Agenda Casa Sesc – Programação

8 de julho (sexta-feira)
10h – Filme: Dona Flor e seus dois maridos, de Bruno Barreto
11h – Oficina de história em quadrinhos para crianças
12h – Filme: Vidas Secas, de Nelson Pereira dos Santos
14h – Circuito de música Sonora Brasil – Banda de Congo Panela de Barro
16h – Bate-papo com Carlos Henrique Schroeder, escritores vencedores do Prêmio Sesc de Literatura e Ovídio Poli, editor do selo Off Flip
19h – Sarau de lançamento do Prêmio Off Flip de Literatura 2011.
20h – Lançamento da Revista Palavra, publicação de literatura do Sesc, que em sua terceira edição homenageia o poeta Manoel de Barros.
21h – Circuito de teatro Palco Giratório – Espetáculo Homem de Barros

9 de julho (sábado)
10h – Filme: São Bernardo, de Leon Hirszman
11h – Espetáculo de narração de histórias Palavras Andantes, com o grupo Tapetes Contadores.
12h – Filme: O Engenho de Zé Lins, de Wladimir Carvalho
14h – Circuito de teatro Palco Giratório – Espetáculo de rua Das saborosas aventuras de Dom Quixote de La Mancha e seu escudeiro Sancho Pança, do grupo Teatro que roda (GO).
15h – Ficção entre escombros. Tenda dos Autores – Mesa de debates que tem apoio do Sesc.
18h – Lançamento dos livros vencedores do Prêmio Sesc de Literatura edição 2010.
19h – Sessão de autógrafos
21h – Circuito de música Sonora Brasil – Banda de Congo Panela de Barro

10 de julho (domingo)
10h – Filme: Lavoura Arcaica, de Luiz Fernando Carvalho
11h – Oficina de história em quadrinhos para jovens

Com Informações do Jornal A Cidade.