O Retorno da Revista Quadreca

Projeto QuadrecaQuem lê uma história em quadrinhos nunca sabe o que vai encontrar na página seguinte, afinal, no mundo das HQ’s, tudo parece possível. Mas uma coisa é certa: sempre nos deixamos levar pelos traços cheios de movimentos que desenham a ação dos personagens fantásticos dos gibis. Para os amantes dos quadrinhos, a revista Quadreca, publicação de quadrinhos da ECA, depois de um bom tempo sem ser publicada está de volta e selecionando material para a sua próxima edição.

A USP foi a primeira universidade a ter uma disciplina sobre histórias em quadrinhos no currículo. Em 1977, ministrando a disciplina “Editoração de histórias em quadrinhos”, a professora Sonia Maria Bibe Luyten lançou a revista impressa. A professora conta que fazer uma revista naquela época foi um desafio. “A ECA não dispunha de muita coisa nova em matéria de gráfica e foi realmente uma aventura”. De lá pra cá, a Quadreca passou por idas e vindas.

A última edição da revista impressa da Quadreca foi produzida no ano de 2006. O professor Plínio Martins Filho, que ministra a disciplina “Laboratório de Produção Editorial I, II e III”, conta que o projeto ficou parado por muito tempo porque sempre dependeu do interesse dos alunos. “Como a editora tem vários outros produtos além da Quadreca, a revista depende do que os alunos do curso irão querer produzir no ano”.

Como toda criança brasileira, meu interesse por HQ’s surgiu com a Turma da Mônica, mas se intensificou na minha adolescência com as HQ’s orientais, os mangás”. A frase é da Camila Cysneiros, estudante do 5º semestre do curso de editoração, que atualmente coordena o Projeto Quadreca (PQ) e é a responsável pela publicação da revista pela ComArte, editora laboratório do curso de editoração. Camila conta que o PQ está procurando material para a sua 17ª edição, que podem ser tiras, histórias em quadrinhos, roteiros, ilustrações e artigos científicos. “Queremos incentivar a produção de HQs. Se uma pessoa só consegue escrever, tudo bem, que faça um roteiro, acharemos um ilustrador que tem dificuldades de construir uma história”.Edições Quadreca

A ideia é provar que qualquer um pode produzir algum material dentro desse universo. “Queremos dar espaço a novos artistas e mostrar que temos muita gente boa e interessada em contar histórias em quadrinhos aqui no Brasil”, finaliza a coordenadora.

A equipe do projeto se reunirá mensalmente para verificar o material recebido e enviará um comentário crítico para o escritor, com o objetivo de melhorar o seu trabalho, mesmo que não seja selecionado para a revista. Nas páginas da revista já passaram grandes nomes do quadrinho nacional como Laerte, Daniel Esteves e os gêmeos Gabriel e Fábio Moon. Daniel Esteves, ganhador do troféu HQMIX 2006, prêmio de referência nacional e latino americana da área de Quadrinhos e Humor Gráfico, participou de três edições da Quadreca ( 13º, 14º e 15º). Ele conta que a primeira história impressa dele foi na revista. Atualmente Daniel ministra aulas de quadrinhos, além de participar de diversas publicações. “A Quadreca fez parte do meu processo de amadurecimento como roteirista. Espero que continue acontecendo isso, agora com o seu retorno”.

Daniel acrescenta que para quem tem interesse em começar, o mais importante é persistir e que os quadrinhos online tornam este início mais fácil. Além disso, dá uma boa notícia para quem quer viver de quadrinhos: “O mercado de quadrinhos passa pela melhor fase nos últimos 20 anos. E uma coisa é certa: há espaço para quadrinistas se desenvolverem. Não é a toa que tantos nomes têm surgido”.

Sônia Luyten também enxerga as mudanças do mercado com boas perspectivas: “O mercado do Brasil mudou o direcionamento. O desenhista não olha mais a banca de jornal como um local de vendas. O artista brasileiro partiu para novos rumos neste mercado: álbuns de quadrinho de autor, biografia em quadrinhos, adaptação de romances e obras literárias em HQ”.

O envio do material deverá ser feito até o dia 15 de julho no site www.quadreca.com. A previsão de lançamento da revista é para o segundo semestre de 2013.

Visto no Jornal do Campus.

Anúncios

2 comentários sobre “O Retorno da Revista Quadreca

Os comentários estão desativados.