Quadrinhos com temática Amazônica são lançados na Biblioteca Municipal do Amazonas

MaramunhãA história e a cultura amazônica ganharam uma série de quadrinhos que almeja conquistar o mercado externo. Criado pelos grupos Vortex Studio Art e Strategos Gestão Cultural, o Projeto Hileia é uma iniciativa que visa difundir a temática amazônica internacionalmente.

Com apoio da Fundação Municipal de Cultura, Turismo e Eventos (Manauscult), a coleção foi lançada ontem, quinta-feira (13), na Biblioteca Municipal João Bosco Pantoja Evangelista, localizada na rua Costa Azevedo, Centro.

A programação ocorre diariamente, das 13h às 17h, até o próximo dia 20, e conta com exposição dos trabalhos e diversas oficinas sobre o tema. Da história dos quadrinhos até dicas para utilização destas e tantas outras obras na sala de aula, todo este universo serve como complementação do material didático. As palestras são abertas ao público e visam estimular a leitura de maneira lúdica, segundo o produtor e roteirista do projeto, Evaldo Vasconcelos.

Maramunhã’, ‘No país das amazonas’ e ‘Manaus, um guia essencial’ são as três obras que integram o projeto Hileia, que deve ser finalizado em aproximadamente dois meses. A primeira, uma versão regional da obra Batraquimiomaquia, de Homero, substitui a fauna da história original por jabutis e quatipurus, enquanto os deuses do panteão grego dão espaço a divindades de diversas tribos brasileiras.

A ideia do quadrinho, segundo o coletivo, é regionalizar contos gregos épicos. Para isso, artistas locais que participam do grupo realizaram pesquisa de padronagem de pinturas, artesanato e armamento indígena. A obra conta com 32 páginas coloridas e será comercializada incialmente por venda direta, por meio do site de financiamento coletivo Catarse. A revista e kits promocionais com itens exclusivos estão disponíveis para encomenda no http://catarse.me/pt/maramunha

Maramunhã-creditos

Maramunhã-interna

Visto no site Em tempo Online.

:: SIGA o Zine Brasil no Facebook, no Twitter e no You Tube!

Anúncios